mascaras-para-doacao-sorocaba

Voluntárias produzem máscaras para serem doadas.

Atitudes de solidariedade e amor ao próximo têm feito diferença na vida de muitas pessoas durante o enfrentamento do coronavírus (covid-19). Um exemplo é a oficina de máscaras de tecido que funciona na Universidade do Trabalhador, Empreendedor e Negócios (UNITEN).

Um grupo de mulheres que integram a Cooperativa de Egressos e Familiares de Egressos de Sorocaba e região (coopereso) aprendem a confeccionar os equipamentos de proteção para que depois eles sejam doados para as famílias carentes da cidade, atendidas pelo programa Bolsa Família e inscritas no Único (cadúnico) do Governo Federal.

A iniciativa faz parte das ações de enfrentamento à covid-19 promovidas pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (sedettur), com o objetivo de estimular o uso de máscaras caseiras pela população, seguindo recomendações do governo do estado e do ministério da saúde.

A confecção das máscaras é realizada por um grupo de 12 mulheres da coopereso e que, por conta da quarentena determinada pelo Governo do Estado, estão impedidas de exercer a atividade na coleta de materiais recicláveis e que garante sustento às suas famílias.

A oficina funciona numa das salas da UNITEN adaptada para que as aulas fossem ministradas. No total, são 12 máquinas doadas pelo Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Sorocaba. Já os tecidos usados para a confecção das máscaras, segundo o secretário, são doados por empresas e também pela população.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!