41 pacientes esperam vagas em hospitais de Sorocaba

41 pacientes esperam vagas em hospitais de Sorocaba

Ao todo, 41 pacientes já atendidos nas UPHs da cidade aguardam esse encaminhamento, sendo 17 de enfermaria e 24 de UTI. A Central de Regulação de Leitos precisa avaliar clinicamente cada caso, para o correto encaminhamento.

A Central de Regulação de Leitos precisa avaliar clinicamente cada caso, para o correto encaminhamento para internação.

A Prefeitura de Sorocaba informa que, diante do cenário regional e nacional de contaminação da Covid-19, já anunciou mais 73 novos leitos Covid no dia 2 de março, sendo 13 leitos no hospital Amhemed e 60 leitos no Centro de Estabilização São Guilherme.

Além disso, na noite de domingo (7), a Prefeitura divulgou novas medidas para reforçar o combate à Covid-19 no município, que incluem o funcionamento de mais um Centro de Estabilização Covid na UPH Zona Oeste, com 35 leitos Covid, e a transformação das UBSs Sorocaba I e São Bento em PAs (Prontos Atendimentos) 24 horas.

O prefeito Rodrigo Manga e o secretário de saúde de Sorocaba se reuniram com o vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, e outras autoridades no Palácio do Bandeirantes para pedir custeio de leitos covid e enfermaria para Sorocaba.

Sorocaba conta atualmente com 109 leitos exclusivos de atendimento covid-19, sendo 60 de uti e 49 de enfermaria, com um custo mensal de r$ 4,4 milhões. O prefeito explicou que o município está em processo de implantação de mais 43 leitos com respiradores e 52 de enfermaria, todos para covid-19, com um custo estimado de r$ 7 milhões, por mês. Por nota, a prefeitura informou que não há paciente sem atendimento Covid no município. Todos estão sendo integralmente assistidos.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!