TV

70 anos da TV no Brasil e 23 anos sem Salomão

Ela chegou às casas brasileiras em 1950. No início, sinal em preto e branco, ainda com chuviscos. A união de som e imagem anunciava a magia dessa nova forma de comunicação. 70 anos depois, a tecnologia tornou a televisão um objeto que une pessoas, encurta distâncias. Uma janela para o mundo onde é possível se emocionar, se informar. Acessar os quatro cantos do planeta e até o universo, em segundos.



Hoje a televisão faz parte da família brasileira. E boa parte desta história passa bem perto da gente. A TV Sorocaba SBT foi a primeira emissora de TV de Sorocaba. Fundada em 1990 pelo jornalista e empresário Salomão Pavlovsky. O canal faz parte do sistema vanguarda de comunicação, que inclui ainda as rádios Vanguarda AM e FM. A TV marcou um novo passo para a construção da história da televisão na região e no país.

Inicialmente, o sinal era retransmitido apenas para os municípios de Sorocaba e Votorantim. Em 95, com segunda etapa de expansão da tevê, a área de cobertura passou a integrar também a região de Jundiaí. Em 94 a sede do Alto da Boa Vista foi inaugurada. Em 2009 o início do sinal digital.

Atualmente a emissora a área de cobertura abrange 34 municípios, quase 3 milhões de telespectadores. Tudo fruto do trabalho e da coragem de Salomão Pavlovsky. Foi ele quem desbravou a comunicação em Sorocaba com presença marcante, em momentos e eventos importantes da história do jornalismo, como quando o humorista Kiko, do seriado chaves, visitou a tv em 1996.

Neste sábado, 19 de setembro, faz 23 anos que “seo” Salomão faleceu. E um dia depois da televisão comemorar 70 anos no Brasil é momento também de render homenagem a este visionário da comunicação. Ele deixou uma ideia seguida até os dias de hoje pela família Pavlovsky: acreditar na televisão. Tanto que a nova sede da emissora está surgindo num dos pontos mais valorizados de Sorocaba, o alto da boa vista. Em breve o prédio próprio vai ser inaugurado. E então, o desejo mais intenso de Salomão Pavlovsky, estará mais vivo do que nunca. O amor pela TV regional.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!