Construções históricas em itu

Construções históricas em Itu

Itu completa nesta terça-feira (02) 411 anos de emancipação política administrativa. E pra quem acha que cidade tem a oferecer apenas objetos enormes como o orelhão na praça central, se engana.  Muitas construções históricas guardam detalhes importantes da história do município.

A começar pela praça Dom Pedro I onde fica o Cruzeiro Franciscano, um monumento que marca a importância da cidade e representa o início da riqueza de Itu. O Varvito, uma rocha cinza e o arenito, de cor amarela tornam o monumento ainda mais especial. O Cruzeiro é o único no mundo com a composição dessas duas rochas. A obra construída por Joaquim Pinto de Oliveira, conhecido como o mestre Tebas, levou três anos para ser concluída. Desde 1796 faz parte da cidade. O local começou a ser restaurado no começo deste ano. A previsão é que o processo termine no ano que vem. Pesquisas arqueológicas são feitas e por isso o entorno está com partes de terra remexidas.

Outro lugar que é cheio de história é o Mercado Municipal. O espaço foi inaugurado em 1905 para receber o comércio de alimentos da cidade. É um projeto do arquiteto Ramos de Azevedo que faz parte da história de vida de muita gente.

Os comerciantes são antigos. Muitos construíram toda a família vendendo vários tipos de produtos nas bancas montadas dentro do mercado que foi restaurado em 2019. Os boxes dos lojistas foram revitalizados, a fachada, as janelas e o calçamento externo foram preservados. Tudo isso mantém viva a história da cidade.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!