Duas pessoas morrem por dia vítimas de afogamento

Segundo levantamento da Secretaria Estadual da Saúde duas pessoas morrem por dia em São Paulo vítimas de acidentes desse tipo. Metade das ocorrências estão relacionadas com adultos entre 20 e 49 anos.
Além da morte, o afogamento pode provocar sequelas. Yago tem cinco anos e agora só consegue se comunicar com a mãe pelo olhar.  Ele não fala nada, não anda e se alimenta apenas por sonda. Tudo, consequência de um afogamento há dois anos, quando estava com a família numa chácara alugada. A mãe dele, Janaína Lopes, conta que foi apenas um momento de descuido, e Yago já estava embaixo d´água, desacordado. Falou oxigenação no cérebro da criança. Os médicos conseguiram reanimar o menino, mas infelizmente ficaram sequelas.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!