Enterrado corpo de vítima de feminicídio em Jundiaí

Foi enterrado o corpo da mulher vítima de feminicídio em Jundiaí.
O agressor também morreu depois de ser linchado pela população.
A polícia tenta descobrir o real motivo do crime e saber quem participou do linchamento. 

Adriana seguia de moto para o trabalho e, ao reduzir a velocidade, para passar nessa lombada, foi atacada com uma faca por Cleyton Ribeiro, de 38 anos, nesta avenida em Jundiaí, no interior de São Paulo. Cleyton foi contido por moradores, amarrado e agredido. Ele foi socorrido, mas morreu no hospital. Agora a polícia tenta identificar as pessoas que teriam participado do linchamento do homem. Elas podem responder por homicídio qualificado.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!