placa nao pode parar

Escola para alunos com autismo passa por dificuldade financeira

Uma escola de Sorocaba que atende crianças com autismo está passando por um grave problema financeiro. É que um convênio com o Governo do Estado pra atender os alunos especiais foi suspenso desde que a pandemia começou.

Com isso, 173 alunos não têm as aulas pela internet e mais de 40 funcionários foram demitidos. As mães fizeram um protesto pacífico em frente à escola pedindo que o local não fechasse as portas.

O instituto de educação especial clave de sol atende alunos com múltiplas deficiências. Os alunos com autismo são mantidos com verba do governo do estado, através de um convênio com a escola. Dos 320 alunos que estudam no espaço, 173 não vão ter acesso às aulas online. De acordo com a escola, a diretoria regional de ensino suspendeu o contrato e não deu explicação.

A Secretaria da Educação confirma que tem contrato com a instituição e que não houve orientação por parte da pasta para que os contratos ou parcerias vigentes fossem suspensos, mas a continuidade exige que as escolas contratadas atendam às normas do desenvolvimento de atividades escolares não presenciais durante a suspensão das aulas nesse momento.

A alteração da prestação de serviços por conta da pandemia exigiu a apresentação de documentos pelas escolas  contratadas. Ainda de acordo com a secretaria, a instituição de ensino não apresentou documentos adequados. Neste momento, o processo segue com a máxima urgência.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!