fachada detran

Funcionários de uma empresa terceirizada do Detran estão sem receber salários

A empresa terceirizada que prestava serviços ao Detran anunciou o encerramento do contrato com o Departamento Estadual de Trânsito e a partir desse mês não pagará mais os salários referentes a redução de jornada.

Por conta da situação, os funcionários deixarão de receber também o complemento que estavam recebendo do Governo Federal.

De acordo com funcionárias, a empresa que prestava serviços há três anos além de anunciar o corte dos salários, deixou de pagar os benefícios.

O proprietário da empresa conversou por telefone com o repórter Basílio Magno disse que a empresa também foi prejudicada pois o Detran encerrou o contrato unilateralmente.

Sobre o vale alimentação, o gestor da terceirizada admite que está atrasado, segundo ele 2 meses.

A unidade do Detran em Sorocaba foi fechada para atendimento ao público durante a pandemia e agora os serviços são feitos pelo Poupa Tempo. No total cerca de vinte funcionários da empresa terceirizada se dizem prejudicados com o encerramento das atividades.

Em nota o Detran informou que em virtude da pandemia o contrato com a empresa terceirizada foi suspenso entre os meses de abril e agosto, quando houve o pedido de desmobilização dos postos de trabalho.

O departamento informou ainda que os valores devidos foram pagos à empresa terceirizada, não havendo débitos referentes à prestação de serviços realizada. Com a conclusão da rescisão contratual todas as determinações previstas na lei de licitação, serão cumpridas.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!