hospital-de-campanha-itapetininga

Itapetininga inicia montagem de hospital de campanha.

Neste sábado (11), foi iniciada a construção um hospital de campanha na Rua Padre Albuquerque, em frente ao hospital “Dr. Léo Orsi Bernardes”. Por isso, o trecho entre as ruas São Vicente de Paula e Pedro marques, foi interditado para os trabalhos de montagem das estruturas. Será a segunda unidade voltada para auxiliar no fluxo de atendimento a pacientes que possam contrair a covid 19. o primeiro foi a policlínica da central parque 4l.

Com a medida, os motoristas que estiverem na Rua Padre Albuquerque, sentido bairro-centro, terão duas opções. A primeira é virar à direita na Rua São Vicente de Paula para acessar a avenida Dr. João Batista Lobato. A outra opção é entrar à esquerda também na Rua São Vicente de Paula, que terá o sentido invertido, em direção à Rua João Evangelista.

Com o hospital de campanha, serão oferecidos mais seis consultórios, 12 leitos e uma interligação direta com o hospital municipal. A chefe do executivo informou que já solicitou mais 12 leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) ao Governo Estadual. atualmente, a administração municipal já criou uma triagem exclusiva para “doenças respiratórias”. Cada paciente recebe máscara e higienização com álcool gel nas mãos numa área restrita para atendimento.

Ampliação

A construção do hospital de campanha é a segunda medida da Gestão Municipal para ampliar o número de leitos para atendimento de pacientes com o novo coronavírus. A primeira iniciativa foi a abertura da Policlínica no Central Parque 4l. Conforme a chefe do executivo, a nova unidade começará a funcionar na terça-feira, dia 14. Com capacidade instalada de 23 leitos atenderá principalmente os casos de baixa e média complexidade de covid-19. Dentro do Hospital Municipal, a estrutura conta com 10 leitos de UTI e 16 de enfermaria. 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!