Passeata contra ataques a animais em Tatuí e Boituva

Moradores e responsáveis por ONGs de defesa de animais fizeram uma passeata para protestar contra atos de crueldade contra animais em Tatuí. Em um dos casos um cachorro foi queimado vivo enquanto se alimentava. O animalzinho tinha aproximadamente 3 anos e foi abandonado depois que a antiga dona dele se mudou. Todos os moradores da rua cuidavam do cachorrinho, mas em uma noite jogaram gasolina no corpo do animal e atearam fogo enquanto ele comia. Representantes de uma ONG da cidade fizeram o boletim de ocorrência e a polícia investiga agora o crime de maus tratos.

A passeata também lembrou um caso em Boituva. A polícia investiga denúncia da morte de um gato após ter sido atingido por um disparo de arma de fogo no jardim Oreana. O gatinho foi atingido enquanto estava no muro da casa dos donos, chegou a ser levado para um hospital veterinário, onde fez exame de raio x, mas morreu antes de passar por cirurgia. Por enquanto ninguém foi preso. Quem quiser denunciar pode entrar em contato pelo 190 ou 181.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!