Rebelião e fuga em massa em Porto Feliz

Moradores de Porto Feliz que residem perto do centro de progressão provisória ficaram apreensivos durante a noite de ontem e madrugada desta terça-feira (17/03).

Uma rebelião, seguida de fuga em massa, deixou a todos com medo porque detentos escaparam pela rua e quintais das casas. Dentro do presídio houve tensão entre os presos que chegaram quebrar objetos e colocar fogo em colchões. A tropa especial de combate a rebeliões da Polícia Militar foi chamada e controlou o motim.

Nesta manhã, mais de 250 presos tinham sido capturados mas a contagem final não foi anunciada pelo Governo do Estado. A confusão começou após os detentos ficarem sabendo que por causa do coronavírus a saída temporária de Páscoa tinha sido cancelada.

O benefício seria concedido a partir de hoje (18/03). Segundo nota da SAP, a Secretaria de Administração Penitenciária, na volta para a prisão, os detentos que seriam liberados durante a saidinha poderiam elevar o potencial de transmissão do vírus para uma população já vulnerável, o que poderia gerar riscos para a saúde de servidores e de outros presos.

A saída temporária beneficiaria cerca de 34 mil presos.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!