carrapato

Uma pessoa morre vítima de febre maculosa em Jundiaí

Jundiaí registrou dois casos positivos e nove suspeitos de febre maculosa na cidade. Uma pessoa morreu e a doença é transmitida pelo carrapato estrela.

O primeiro caso confirmado é de um homem de 49 anos, que morreu em 20 setembro. Já o segundo é de uma criança de três anos. O menino está internado desde a semana passada em um hospital da cidade e o estado de saúde dele é estável.

De acordo com a Prefeitura, esses casos positivos de febre maculosa são isolados e não há possibilidade de uma epidemia em Jundiaí.

No ano passado, a cidade registrou dois casos positivos da doença, 42 notificações e uma morte, sendo o bairro Vista Alegre, o maior local de infecção.

A vigilância em saúde realiza um trabalho de orientação para os moradores. Esse material faz parte das explicações. A ideia é deixar claro como a doença é transmitida e como evitar o contágio.

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em contato!